terça-feira, março 17, 2015

PSP recorreu à força para desalojar habitação camarária

Gazeta de Espinho005-20150317 Gazeta de Espinho006-20150317 Gazeta de Espinho001-20150317 Gazeta de Espinho002-20150317 Gazeta de Espinho003-20150317 Gazeta de Espinho004-20150317

O despejo de uma família de Espinho que ocupava ilegalmente uma habitação obrigou à intervenção da polícia. Alguns moradores e vizinhos acusam a corpo de intervenção de agressões. A Câmara de Espinho garante que apresentou várias soluções à mulher de 27 anos que tem dois filhos a cargo e que todas foram rejeitadas.